sábado, 2 de julho de 2011

Cup cake na caixinha com bolinhas, para comemorar 2 meses de blog!

Este blog completou 2 meses hoje! Nem acredito que estou conseguindo escrever com uma certa freqüência... aos trancos e barrancos, entre uma atividade e outra, de madrugada... Mas está valendo à pena. Vira um vício e meu namorado tem ciúme do blog, vê se pode?! Eu dedico este post ao meu irmão, blogueiro nato, mais experiente, que me dá muita força elogiando e criticando. À minha mãe (que parece mãe de Miss) divulga até para o porteiro, às minhas pacientes, às minhas amigas antigas e às novas amigas (vocês, que estão sempre exibindo seus comentários), aos meus alunos que comentam os posts durante as aulas, à Lu que divulgou no "Minha Pele..." e o blog bombou! Obrigada pelo apoio,  povo!

Juntando o meu aniversário com o do "Toque", estreei na cozinha arriscando uns mini cup cakes, com a ajuda da minha amiga Keyla, claro. Me senti numa sala de cirurgia realizando uma importante operação. A equipe era composta por mim,  minha assistente de bolos, Dra. Keyla (que é dentista) e a instrumentadora, a Iracema, minha assessora de assuntos domésticos (na verdade é quem resolve a minha vida domiciliar). Já perceberam que eu e a cozinha não somos muito íntimas? Melhor dizendo, não somos nada íntimas, a menos que esteja na hora de comer. Estava tudo indo muito bem, minha amiga foi embora e minha mãe chegou na cozinha, sentiu o cheirinho de bolo e abriu o forno. Comentário: "ahh vocês fizeram os bolinhos com massa de chocolate também!". Ah que bom, dessa vez minha mãe preferiu chamar os cup cakes de bolinhos ao invés de pancakes. Mas de repente me bateu um certo desespero.Eu não fiz bolinhos de chocolate. Usei apenas massa branca. "Os cup cakes queimaram!". A massa estava tão queimadinha que parecia mesmo de chocolate. Pelo menos queimaram apenas alguns, os da última fornada.  A maior parte ficou ótima!  Cup cakes prontos eu os coloquei na caixinha de bolinhas iguais as do "toque ginecológico" que a Keyla me presenteou. Muito fofas! Eu precisava mostrar p/ vocês meu primeiro engenho comestível. Abaixo, a equipe (a Iracema não gosta de aparecer em fotos) e a caixinha de bolinhas.


Antes de finalizar, já que o assunto é o blog e este blog é sobre informações médicas, eu recebo periódicos do ONE HEALTH e da última vez o assunto foi sobre a busca de informações sobre saúde na internet. Achei a matéria muito importante e trouxe para vocês, resumidamente:

Cada vez mais ocorre o uso crescente da rede por leigos em busca de informações médicas. Os brasileiros estão em quarto lugar dentre os países que mais buscam informação médica pela internet, segundo o London School of  Economics. É importante lembrar que qualquer pessoa pode publicar um texto na internet. Quem procura informação médica na rede deve se informar a origem do site e desconfiar se é um site de médico que vende remédios (ilegal e anti-ético), por exemplo. Muito cuidado com comunidades em que a pessoa faz uma pergunta e várias outras pessoas respondem. (eu vejo cada absurdo!!!). O acesso ao conteúdo on line sobre medicina mudou para sempre a relação entre médicos e pacientes. Muitos pacientes chegam ao consultório com páginas impressas sobre o assunto a ser tratado, mas o pior é que as pessoas se fixam aos aspectos negativos de um tratamento, aos efeitos colaterais, e acabam se desesperando.


Por fim, a matéria termina com dicas para navegar sem trauma:



• Uma pesquisa na internet não substitui a ida ao médico
• Veja quantos acessos o site tem. Um número grande de usuários significa que o endereço é relevante
• Lembre-se que medicina não é uma ciência exata e que a eficiência de cada tratamento depende de fatores individuais
• É ilegal a venda de tratamentos e remédios pela internet
• Faça pesquisas em sites de instituições, sociedades de classe, universidades e hospitais
• Checou se seu médico tem um site? De repente ali você consegue encontrar todas as informações que precisa

Foi pensando nas pessoas que buscam informações médicas na internet que selecionei uma lista de sites seguros em vários assuntos médicos e coloquei lá no final da página do blog, assim que comecei a escrever. Vocês já viram?

Nenhum comentário: