sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Outubro Rosa

Oi pessoal! Estou preparando 3 posts ao mesmo tempo, mas outubro chegou e não posso deixar de chamar a atenção para uma campanha muito importante para a saúde da mulher: a luta contra o câncer de mama. Por isso parei tudo e vim postar, antes que o mês acabe...rss.

Este mês já ficou conhecido como OUTUBRO ROSA. Vários edifícios públicos, monumentos, instituições iluminam suas construções com a cor rosa.

O câncer de mama ainda é o câncer feminino que mais mata mulheres no mundo todo. Infelizmente não temos nada 100% eficaz para prevenir o câncer, mas a detecção precoce pode levar à cura.

Para isso, é preciso que a mulher faça o exame que detecta o câncer, muitas vezes, antes mesmo que ele vire um nódulo. É a MAMOGRAFIA.

A mamografia deve ser realizada em todas as mulheres com ou sem historia de câncer na família, de rotina, a partir de 40 anos.

Ainda temos muita dificuldade em realizar o diagnóstico precoce porque ainda estamos lutando para a garantir que todas as mulheres em cada cantinho do mundo tenha acesso a esse exame. Isso ainda não é uma realidade. Outro motivo, pior, na minha opinião é que muitas mulheres tem medo de descobrir que tem câncer e acabam não realizando o exame. Por medo.

O estímulo à realização do exame deve ser continuo, durante o ano, mas assim como existem as datas comemorativas, é em outubro que tentamos chamar atenção do mundo todo para a Importância da detecção precoce do câncer de mama.

Tudo bem que o exame é chatinho. Mas incomparável à "dor"do câncer de mama, não acham?

Portanto, mulherada, se você já esta na idade de realizar a mamografia, não perca tempo! Se tiver que ser, que seja no início para alcançarmos a cura!
                   
                                                                                     Um beijo rosa em todas!

5 comentários:

Eu disse...

Olá Dra. Fernanda!
Podemos realizar somente uma ultrassom para prevenção ou a mamografia que é necessária?

fernanda santos disse...

a mamografia é necessaria. USG não serve para detectar precocemente câncer de mama

Anônimo disse...

O meu comentário nao tem nada haver com esse post, mas queria muito que voce me ajudasse.
Fui a ginecologista e ela detectou que tenho uma predisposição para ter "bexiga baixa" ou flacidez no assoalho pélvico, mas que não era preocupante pois ainda tenho 26 anos,porem faço academia e ela disse para não exceder nos pesos. Não costumo exagerar nos pesos e vou de acordo com a minha resistencia que sera gradativa.Diante disso fiquei na duvida. Será que posso malhar normalmente? (claro que sem exageros) ou mesmo malhando normalmente pode ocorrer maior flacidez no assoalho pélvico. Estou preocupada. Obrigada.

fernanda santos disse...

a malhação de forma alguma vai aumentar a flacidez. Mas pegar peso pode fazer o prolapso aumentar. Não por flacidez. Por outro lado, existem exercicios fisioterápicos para esta área que ajudam muito. Procure uma fisioterapeuta especializada em exercicios ginecologicos. Vai lhe ajudar muito. outra coisa que pode ser interessante pra vc é fazer ingestão de colágeno., Converse com seu médico, ok?

Eu disse...

Obrigada!