domingo, 19 de fevereiro de 2012

Cadê os comentários?

Pessoal, os comentários dos posts anteriores desapareceram!
Vim aqui responder algumas perguntas e vi comentario me perguntando sobre os anteriores. Tomei um susto!!!
Eu não faço a menor idéia sobre o que aconteceu!!
Alguem pode me ajudar?
Sera que existe alguma maneira de recuperá-los?????
Puxa fiquei tão triste!!!!

domingo, 12 de fevereiro de 2012

O ácido fólico e a gestação

Há algum tempo escrevi aqui no blog um post sobre os cuidados que a mulher deve ter quando decidir engravidar. É a tal da gestação dos doze meses, que inclui o período em que ela planeja a gestação, fazendo exames para saber como está sua saúde, atualizando o calendário de vacinação e utilizando suplementos vitamínicos, por exemplo. Eu disse, na ocasião, que a mulher deve fazer uso de uma vitamina chamada ácido fólico, antes de engravidar. Vocês sabem qual é a importância disso?

Logo nas primeiras semanas de gestação, mesmo quando você nem desconfia que está grávida (entre 3 e 5 semanas de gestação) acontece a formação do tubo neural. Isso envolve uma estrutura que dará origem ao cérebro e medula espinhal. O suplemento de ácido fólico evita até 70% dos defeitos nessa formação. Cerca de 50% dos defeitos do tubo neural causam anencefalia (ausência total ou parcial do cérebro). Estas crianças morrem antes do nascimento ou logo após.


A outra metade causa a espinha bífida, que é uma malformação da coluna vertebral que faz com que não se feche a medula espinhal. Assim a medula se exterioriza por entre as vertebras. Nestes casos as crianças necessitarão de muitas cirurgias e poderão desenvolver muitos problemas ao longo da vida, como: paralisia do intestino, incontinência urinária e dificuldades de aprendizagem.



Muitos casos de abortos espontâneos são causados pela deficiência do ácido fólico. O Brasil é um dos países que tem as taxas mais altas de defeitos no tubo neural.

A deficiência de ácido fólico é frequente porque as pessoas não comem  verduras e frutas cítricas em quantidades suficientes! Mesmo assim é difícil ter a quantidade suficiente numa alimentação normal, em dieta de 2000 calorias. Por isso é recomendado o uso de 0.4 mg de ácido fólico diariamente, na pré concepção. Sendo assim, quando a mulher expõe seu desejo de engravidar,  o médico deve lhe orientar a iniciar o uso de ácido fólico diariamente, até pelo menos depois destas 5 primeiras semanas de gravidez, podendo ser usado por toda a gestação.

Ah! antes de terminar: ainda não se conhece muito bem qual o mecanismo pelo qual o ácido fólico pode prevenir doenças de fechamento do tubo neural.

Bom, espero que as pessoas entendam como é importante planejar a gravidez. Fazer exames para ver se precisa tratar alguma coisa antes de engravidar, corrigir o peso se estiver acima do normal, atualizar o calendário vacinal, usar ácido fólico para prevenir um problema  tão importante.

Até a próximo post! Beijinhos!